publicidade
21/09/2017 12:38

Rafael Câmara garantiu sua vaga para a disputa do Rotax Max Finals em Portugal


Foto: Erno Drehmer

Rafael Câmara


Muita corrida, disputa e mais um objetivo alcançado na carreira do jovem kartista Rafael Câmara. Na temporada de estreia na categoria Júnior Max, o pernambucano fez grandes corridas durante o Campeonato Brasileiro de Rotax, no Kartódromo Granja Viana, na sexta-feira (15) e sábado (16), e confirmou a vaga para o Rotax Max Challenge Grand Finals, considerado as ‘Olímpiadas do Kart’, que será disputado em Portugal, em novembro. A etapa também foi válida como segunda etapa do Torneio KGV e oitava etapa da Copa São Paulo KGV.

Câmara corria com o regulamento a seu favor e tinha uma vantagem na disputa pela vaga do Rotax Max Challenge Grand Finals na categoria Júnior Max, depois de ter conquistado a Copa Rotax. Os pontos obtidos na competição e no Brasileiro (Pré Final e Final) foram a base para definir os representantes nacionais.

E o fim de semana começou muito bom, com o piloto do kart #88, que fez o segundo melhor tempo na tomada e partindo da primeira fila para a primeira bateria classificatória e terminando em segundo. Ainda na sexta, Rafael largou e chegou em segundo lugar.

No sábado, os pilotos foram para a pista mais duas vezes, para a Pré Final e Final. Largando novamente da segunda posição do grid na Pré Final, o pernambucano de 12 anos se manteve em uma posição confortável para largar bem e com chances de vencer na Final e terminou na terceira colocação.

Na Final, Rafa partiu da segunda fila e fez uma das melhores corridas da competição. Com trocas constantes de posição, disputas lado a lado e um final alucinante, Câmara cruzou a linha de chegada em primeiro lugar, com apenas 0s179 a frente do segundo colocado Paulo Coelho.

Porém, na hora de subir ao pódio veio a surpresa: o pernambucano foi anunciado com a segunda colocação, sem nem ter tomado ciência de uma punição imposta pelos comissários, alegando um incidente com o kart #24. Mesmo com a punição, o piloto garantiu o direito de representar o Brasil no Rotax Max Challenge Grand Finals, em Portimão (Portugal), entre os dias 4 e 11 de novembro.

“Fomos pegos de surpresa na hora do pódio. Em nenhum momento fui chamado na torre, em lugar nenhum. O procedimento padrão não foi cumprido e não concordamos com a punição”, comentou o piloto.

“O objetivo de conquistar a vaga foi alcançado e ficamos felizes por poder representar o Brasil em Portugal. O Rafael lutou muito nesta prova e venceu na pista. Foi uma grande Final, ele levou muitos toques, mas nem pensamos em entrar com recurso por entender que foram situações normais de corrida. Quem acompanha o kart sabe que as corridas podem ser disputadas ao ponto de acontecerem alguns toques. Uma pena tudo o que aconteceu depois e da forma como aconteceu”, lamentou o pai do piloto, Amaro Câmara.

A bateria final completa está disponível em vídeo.

“Meu foco agora é me preparar para as próximas competições”, completou o piloto da Sabiá Racing. O próximo compromisso de Rafael já é neste sábado (dia 23) pela 7ª etapa da Copa São Paulo Light, no Kartódromo Aldeia da Serra, em Barueri, na Grande São Paulo.

A categoria Júnior Menor tem tomada de tempo prevista para as 8h20. A primeira corrida do dia acontece na sequência das demais categorias, com a primeira largada prevista para 9h, com a categoria Mirim. Nas quatro etapas que participou do Light este ano, Câmara venceu duas e nas outras duas ficou em segundo e terceiro.

Aos 12 anos de idade, Câmara é um dos principais nomes do kartismo nacional atual. Entre os títulos do piloto estão o Campeonato Sul-americano Rotax 2016, Brasileiro Rotax 2016, Copa Rotax 2016 e 2017 e o prêmio Capacete de Ouro 2015 e 2016, oferecido pela Revista Racing aos destaques do automobilismo.

Fonte: FG Com

publicidade
  • Não há comentários cadastrados até o momento!