publicidade
07/05/2018 11:09

Rodrigo Piquet venceu na Sênior A e garantiu vaga para o Campeonato Brasileiro na Codasur


Foto: Bruno Gorski

O brasiliense Rodrigo Piquet, sobrinho do tricampeão Nélson Piquet, venceu as duas provas da Sênior A na 4ª etapa da Copa São Paulo KGV e com isso assegurou a vaga para o Brasileiro na categoria Codasur, em julho.

As vitórias vieram em grande estilo. Na primeira bateria o representante da equipe Dibo Kart Team e da DRacing largou em terceiro e precisou sair do traçado para evitar se envolver no enrosco entre o pole e o segundo colocado. Caiu para 12º e voltou com tudo, passando todos os adversários da categoria e recebendo a bandeirada em primeiro lugar na Sênior A.

Na segunda bateria Rodrigo Piquet não deu chance aos oponentes. Ele assumiu a dianteira logo na largada e levou seu kart em primeiro lugar até a bandeirada. Além do título da etapa, Rodrigo garantiu por antecipação uma das cobiçadas vagas no Brasileiro da Codasur.

A categoria será disputada por 36 pilotos a partir de 15 anos de idade e terá motores italianos Iame de 175 cc e 44 HP. Os propulsores serão sorteados e o custeio é todo de responsabilidade da Confederação Brasileira de Automobilismo.

O vencedor desta categoria na disputa marcada para julho, também na Granja Viana, será contemplado com uma vaga no Mundial da Suécia em setembro – operação também custeada pela CBA.

Rodrigo Piquet corre com o apoio da RBC Preparação de Motores, Kart Mini, The Best Preservativos, Racing Driver Brasil T-Shirts e Autotrac.

“Foi uma etapa muito legal e mostramos velocidade desde o início. Estou muito contente com as vitórias, a primeira numa prova de recuperação muito divertida; e a segunda liderando o tempo todo. Fiquei especialmente contente pela vaga no Brasileiro da Codasur. Vou treinar muito forte para esse evento em julho, pois a concorrência será fortíssima e o equipamento de primeira linha. Tenho que destacar a iniciativa da CBA em prol do kart. No ano passado já tivemos o Brasileiro ao vivo no Sportv e neste ano será assim novamente. E esse projeto inovador de promover a categoria com os motores Iame para 36 pilotos e mandar o vencedor para o Mundial da Suécia merece aplausos”, elogiou Rodrigo Piquet.

Fonte: Luís Ferrari

  • Não há comentários cadastrados até o momento!