publicidade
05/02/2018 10:37

Felipe Drugovich venceu em Chennai e é o primeiro brasileiro campeão em monopostos no exterior na temporada


Foto: Divulgação

Felipe Drugovich


Na quarta e última rodada do MRF Challenge 2017/2018, disputada no último final de semana em Chennai, na Índia, o paranaense Felipe Drugovich confirmou porque é considerado uma das maiores promessas atuais do automobilismo brasileiro. No sábado, logo na primeira corrida da rodada quádrupla, ele garantiu a conquista matemática do título de campeão com um terceiro lugar.

Na segunda corrida, mesmo largando na 14ª posição, Felipe terminou em 6º, uma tarefa difícil no estreito e difícil circuito indiano de Chennai.

No domingo foi só festa, quando – com duas largadas perfeitas – venceu mais duas vezes, tornando-se o recordista absoluto de vitórias na temporada. Foram 10 conquistas em 24 provas, um percentual de 62,5% de aproveitamento.

Desde o dia 17 de novembro no Bahrein (duas vitórias em quatro provas), passando por Dubai (mais duas vitórias em quatro corridas), por Abu Dhabi (quatro vitórias nas quatro corridas) até chegar a Chennai, em todos os diferentes tipos de circuitos o Drugovich foi sempre a referência.

No final, com 335 pontos somados, ficou mais de 100 à frente do indonésio Presley Martono (234 pontos e duas vitórias no campeonato) e do holandês Rinus “Veekay” (230 pontos e três vitórias no campeonato).

Foram números incontestáveis e absolutos para o jovem piloto de Maringá (PR), de 17 anos de idade. “Estou muito contente por ter conquistado o meu primeiro campeonato em um carro de fórmula e agora vou trabalhar para disputar a Euroformula Open”, disse Felipe Drugovich (Drugovich | Mahle | Noma).

Drugovich disputou apenas duas provas em sua nova categoria, em Barcelona, e venceu uma, integrando a RP Motorsport, equipe que defenderá em 2018. A Euroformula Open será disputada em oito rodadas duplas, começando em abril, em Portugal.

Fonte: Textobrás

  • Não há comentários cadastrados até o momento!