publicidade
19/12/2017 08:48

Kiko Porto integrou a Barrichello Hero e comemorou vitória em sua estreia nas 500 Milhas


Foto: Cris Reis

Kiko Porto


Fim de festa e mais um título para o piloto pernambucano Kiko Porto (Barrichello Hero | Petromega | DNA Racing | Quake 2). Desta vez, com a comemoração do primeiro lugar nas 500 Milhas Granja Viana, realizada neste sábado. Foram completadas 700 voltas em quase 12 horas de prova, reunido grandes estrelas do automobilismo brasileiro, como Rubens Barrichello, Felipe Massa, Christian Fitippaldi e Felipe Giaffone, entre tantos outros.

Convidado para compor a equipe de Barrichello, o campeão da etapa da Finlândia do CIK FIA Academy Trophy, Kiko Porto, participou ativamente, desde os treinos livres da quinta-feira (14), passando pelas sessões oficiais da sexta-feira e claro, da prova de sábado, que encerrou o calendário 2017 do kartismo nacional.

A largada aconteceu precisamente às 12h30, com previsão de 12 horas de duração ou 700 voltas, o que fosse alcançado primeiro. Além de Rubens Barrichello e Kiko Porto, a equipe foi integrada pelos pilotos Dudu Barrichello, João Cunha, Rafael Suzuki, Diego Nunes, Rafael Martins, Arthur Leist, Gary Carlton, Matheus Morgatto e Beto Cavalero.

Composta pelos karts números 71, 72 e 73, a equipe Barrichello Hero Team esteve sempre entre os líderes durante a maior parte das 500 Milhas, tendo em alguns momentos a liderança da competição. A bordo do kart 73, Kiko Porto teve a chance de pilotar em duas partes da prova. A primeira com 75 voltas e na segunda, já no início da noite, em outras 94 voltas.

Depois 700 voltas, quando já passava da meia-noite, Rafael Suzuki cruzou a linha de chegada em 1º lugar com o kart 71, garantindo o título da edição de 2017 das 500 Milhas da Granja Viana, para a Barrichello Hero Team. “Foi uma experiência muito boa. Tive a chance de aprender muito com pilotos que são referência para mim no automobilismo e participar de um evento como esse é privilégio. Foi melhor ainda com o título para nossa equipe. Quero aproveitar e agradecer muito a Rubinho Barrichello, pelo convite, por ter me dado a chance de mostrar meu trabalho”, disse Kiko Porto logo após a maratona de quase 12 horas de prova.

Fonte: Kako Marques

  • Não há comentários cadastrados até o momento!