publicidade
25/06/2018 15:22

Gabriel Crepaldi encerrou preparação para o Brasileiro com ótima participação no Open


Foto: Bruno Gorski

Gabriel Crepaldi


Focado especialmente em finalizar sua preparação para competir em duas categorias no 53º Campeonato Brasileiro de Kart, o paulista Gabriel Crepaldi (Academia Shell | Impressos Store | Artemidia | Bravar) disputou no último final de semana suas últimas provas antes do grande evento nacional. E saiu do Kartódromo Granja Viana, em Cotia(SP), – palco também do Brasileiro – extremamente satisfeito e bem preparado após competir no Open do Brasileiro.

Na estreia da categoria Codasur Júnior no Brasil, Crepaldi adaptou-se bem ao estilo de pilotagem do novo motor X30 Codasur. Autor da pole position, o piloto de Birigui venceu a primeira classificatória e garantiu mais uma pole, agora para a prova seguinte. Na segunda classificatória um pequeno incidente fez com que o piloto da equipe ONS Motorsport caísse para a última posição.

“Este novo motor tem muito torque, muita força. Então na freada de uma das curvas o 4º colocado calculou mal e tocou o piloto que estava à frente e gerou um efeito cascata, que terminou em mim”, lembra Crepaldi. “Rodei, caí para último, mas consegui boa recuperação”, completou o piloto, que terminaria a corrida em 6º.

Largando em 2º na Final, Gabriel Crepaldi travou intenso duelo com Nicolas Fabris, os dois se distanciando bastante dos demais concorrentes. Crepaldi pressionava no miolo, mas Fabris distanciava-se nas partes de alta, e assim os dois terminaram a última corrida, com Gabriel Crepaldi ficando com o vice no Open do Brasileiro – e bem preparado para o Campeonato Brasileiro.

A participação de Gabriel Crepaldi (Academia Shell | Impressos Store | Artemidia | Bravar) na Júnior teve outra conotação. Buscando testar os mais diversos equipamentos e opções, o piloto e sua equipe priorizaram a preparação para o Brasileiro. Mas, mesmo assim, o piloto da ONS Motorsport teve bela participação – e recuperação – após uma tomada de tempos abaixo da expectativa.

Na última e decisiva corrida, após largar em 10º, Gabriel Crepaldi mostrava-se 2 décimos de segundo mais rápido que os líderes e, desta forma, foi crescendo na classificação. Crepaldi passou todos os concorrentes até chegar no líder, o paranaense José Muggiati Neto. Ao defender-se do ataque, o líder “fechou a porta”, o que obrigou Crepaldi a subir na zebra.

“Toquei na zebra e, como elas são altas na Granja Viana, fui jogado em direção ao kart do ‘Zezinho’. Acabei tocando ele, nos atrasamos, e dois pilotos passaram por nós”, lamenta Crepaldi, que terminou a prova em 3º. Mais tarde, ele acabaria sendo punido com o acréscimo de 3 segundos, finalizando em 6º. “Não achei justo, mas faz parte”, conforma-se Gabriel Crepaldi, que teve excelente atuação na Final da Júnior.

“Utilizamos o Open para testes e saímos satisfeitos com tudo o que fizemos. Nos sentimos, a equipe e eu, bem preparados e otimistas para lutar pelos títulos, tarefa que não será nada fácil, pois certamente teremos muitos candidatos a ser campeão, todos de alto nível”, disse Crepaldi. “Chegaremos confiantes”, finalizou.

Fonte: KG COM Assessoria de Comunicação

  • Não há comentários cadastrados até o momento!