publicidade
20/04/2016 14:37

Melhor piloto da Sênior na temporada do Super Kart Brasil ganhará treino no Mercedes Challenge


Foto: Jackson de Souza

Pilotos da Sênior em ação no Super Kart Brasil 22


Categoria que reúne consagrados nomes do kartismo brasileiro, a Sênior tem sido presença constante no Super Kart Brasil, um dos principais eventos deste esporte em nosso País. Lançado em 2010 por sete dos principais campeões da história, o evento chegou à sua 22ª edição neste mês de abril e revelou um tricampeão na Sênior e um “calouro” em matéria de títulos na divisão Super Sênior.

No Kartódromo Ayrton Senna, em Interlagos, na zona sul de São Paulo, Alain Sisdeli venceu o SKB 22 na Sênior e conquistou seu terceiro título na competição, o segundo consecutivo. Ao mesmo tempo, na Super Sênior, Maique Papareli, já consagrado no kartismo nacional, sagrava-se campeão do Super Kart Brasil pela primeira vez.

Porém, é outro representante de São Paulo que domina as ações na categoria, agora englobando as duas divisões como um todo. Com vitória nas edições de número 15, 18, 19 e 21, Ricardo Thomazi é o maior vencedor da história do Super Kart Brasil nesta categoria, com quatro títulos na Super Sênior. Alain Sisdeli e Dudu Dieter, com três conquistas, e Adriano Pizzonia, Alessandro Xavier e Francesco Ventre, que venceram o evento em duas oportunidades, também fazem parte da seleta galeria de campeões do Super Kart Brasil.

Notabilizado pela excelente premiação que vem oferecendo ao longo de suas sete temporadas, o Super Kart Brasil inovou este ano no que diz respeito aos prêmios oferecidos aos competidores da Sênior e Super Sênior. Além de premiar as duas categorias a cada edição, com descontos – integrais ou não – no valor da inscrição em sua próxima participação, o SKB oferecerá ao melhor piloto da temporada um dia de treinos na Mercedes Challenge CLA45. Para definir o piloto de maior destaque no ano, a cada edição são entregues medalhas que simbolizam a premiação utilizada nas Olimpíadas, ou seja, ouro (1º), prata (2º) e bronze (3º). Ao fim da temporada, o piloto que somar mais ouros é o premiado com o treino.

“Temos como primordial oferecer premiações que venham ao encontro do que os pilotos esperam e acreditamos que propiciar aos competidores da Sênior conhecerem mais de perto uma categoria de ‘gentleman drivers’ como a Mercedes Challenge é um prêmio, além de inédito, muito atrativo”, avaliam Dennis Dirani, Rubem Carrapatoso e Sérgio Jimenez, atuais promotores do Super Kart Brasil em parceria com a Liga Paulista de Automobilismo. “Caso tenhamos uma média anual de seis competidores em cada uma das duas divisões, esta premiação será dupla, ou seja, o melhor piloto da Sênior e o melhor da Super Sênior ganharão este treino”, completam.

A 23ª edição do Super Kart Brasil está marcada para os dias 27 e 28 de maio, no Kartódromo Granja Viana, em Cotia (SP).

O Super Kart Brasil, disputado de forma conjunta com a Copa São Paulo Granja Viana, tem apoio de MagiFlux, Notiluca, AMK Viagens, Paralego Racing, DDirani, Ibea Brasil, Ital Sistem, JB Kart Parts, RC Parts e TM Racing.

O SKB é apoiado pela Associação Racing – A Associação Racing é uma associação civil sem fins lucrativos, cujo objetivo é promover e auxiliar no desenvolvimento de pilotos de competição, além de desenvolver regras e métodos para a prática do kart no Brasil.

Fonte: KG COM Assessoria de Comunicação

  • Não há comentários cadastrados até o momento!