publicidade
08/04/2016 20:17

Super Kart Brasil 22 viveu sexta-feira agitada em Interlagos e revelou primeiros candidatos ao título


Foto: Luiz Pinheiro

Vinícius Papareli (218) venceu na Graduados


A primeira parte do Super Kart Brasil 22, disputada na tarde desta sexta-feira (8) no Kartódromo de Interlagos, na zona sul de São Paulo, mostrou lindas disputas e revelou novos candidatos aos títulos ao mesmo tempo em que alguns “veteranos” querem repetir a dose de outras edições.

Com tempo bastante quente e seco, foram disputadas a tomada de tempos e a primeira bateria de quatro das sete categorias da competição, lançada nacionalmente em 2010 por sete dos maiores vencedores da história do kartismo brasileiro.

A primeira categoria a conhecer seu principal candidato ao título foi a Cadete, que mostrou, como sempre, belas disputas e a definição de seu vencedor apenas nos últimos momentos da prova, quando Enrico Martins manteve-se, a muito custo, na liderança. “Foi muito legal. A prova foi incrível, muito difícil. Tive que fechar tudo na última volta, o João Victor Camargo é muito esperto. Ele botou por dentro e eu tive que fechar o que pude para garantir a vitória. Aí chegou a bandeirada e venci”, disse o pequenino piloto.

A Júnior Menor teve como vencedor exatamente seu último campeão, o pernambucano Kiko Porto. Disposto a repetir a edição 21, disputada no final de fevereiro na Granja Viana, ele venceu a primeira bateria, não sem antes enfrentar fortes disputas e fortes adversários. “Comecei muito bem mais uma vez, e só tenho que agradecer a Deus e à minha equipe. Estamos trabalhando bastante na Granja e aqui em Interlagos e desde o começo da semana viemos conquistando pedacinho por pedacinho desta vitória”, comemorou o piloto.

A melhor corrida do dia foi a da Júnior. E o vencedor teve duplos motivos para comemorar, já que além de dar um salto à frente de todos em busca de seu segundo título no SKB – o primeiro foi na edição 16, pela Júnior Menor –, Felipe Baptista era o aniversariante do dia. A prova teve sua decisão a poucos metros da bandeirada, já que antes, nas quatro curvas anteriores, Baptista e Vinícius Ponce trocaram de posição por três vezes. “Fui quinto na tomada de tempos, mas larguei em primeiro em função do grid invertido. Mantive a ponta até quando faltavam três voltas e aí o Vinícius chegou. Trocamos de posição algumas vezes e na última curva consegui assumir a ponta e vencer”, falou Felipe Baptista.

Vinícius Papareli, campeão do SKB5 ainda pela Júnior, fechou o dia no Kartódromo de Interlagos vencendo e se colocando entre os favoritos ao título na Graduados. “Foi muito bom, afastamos a ‘maré de azar’. Tudo funcionou muito bem. Passei o Gabriel Sereia logo no início e assumi a ponta, mas vi que o Marcel Della Coletta vinha em um ritmo muito forte. Então tive que me manter concentrando e rápido para vencer. Foi difícil”, finalizou.

Neste sábado acontecerá o encerramento da edição 22 – disputada em conjunto com a 3ª etapa da Copa São Paulo Granja Viana –, com a realização da segunda bateria destas categorias. Além delas, acontecerão a tomada de tempos e as duas baterias da Sênior e Super Sênior e a bateria única da Shifter.

O Super Kart Brasil tem apoio de MagiFlux, Notiluca, AMK Viagens, Paralego Racing, DDirani, Ibea Brasil, Ital Sistem, JB Kart Parts, RC Parts e TM Racing.

O SKB é apoiado pela Associação Racing – A Associação Racing é uma associação civil sem fins lucrativos, cujo objetivo é promover e auxiliar no desenvolvimento de pilotos de competição, além de desenvolver regras e métodos para a prática do kart no Brasil.

Fonte: KG COM Assessoria de Comunicação

  • Não há comentários cadastrados até o momento!