publicidade
02/05/2022 12:40

3ª etapa da Dignity GT Sprint Race movimentou o Autódromo de Interlagos no final de semana


Foto: Luciano Santos

Antonio Junqueira aproveitou a pole conquistada na primeira corrida, liderou praticamente toda a prova e venceu a segunda corrida da 3ª etapa da Dignity Gold GT Sprint Race, disputada no domingo (1º) em Interlagos.

O piloto paulista chegou na frente na geral e na classe PROAM, completando as 12 voltas do circuito em 25m46seg777. Na sequência do pódio geral, veio Marcelo Henriques (PRO) e Sérgio Ramalho (PRO). Na classe AM a vitória foi do gaúcho Giovani Girotto.

“Hoje foi um dia inesquecível. De todas as participações, esta vai ficar para minha história. Foi um feito maravilhoso. Estou super feliz por disputar de igual para igual com pessoas de renome na pista e ter esse resultado. Agora é administrar isso e a posição no campeonato”, disse Junqueira, que com a segunda vitória no dia abriu vantagem na liderança da PROAM, com 123 pontos.

Marcelo Henriques, que ficou colado ao campeão nos momentos finais da prova, ficou satisfeito com sua posição. “Desde minha formação como piloto nas categorias de base, sempre foi assim, de muito trabalho e técnica para se desenvolver cada vez mais como profissional. E é por momentos como este que a gente não enjoa desta vida. A corrida de hoje foi muito disputada, com todos dando o seu melhor e se respeitando. Uma corrida com muita pegada e com pilotos do mais altíssimo nível no automobilismo brasileiro. E conquistar o pódio neste cenário é uma felicidade imensa”, comenta o piloto, subiu para o terceiro lugar na PRO.

Para Giovani Girotto, garantir a vitória não foi uma tarefa tão fácil, embora tenha liderado desde as primeiras voltas na classe AM, pulando da 14ª posição do grid geral para a 10º. “No meio da corrida um carro da frente começou a vazar óleo, a pista ficou lisa e eu só olhando no retrovisor e administrando a posição para ficar com esta vitória. Saio daqui feliz sendo o maior pontuador deste final de semana”, revela o piloto, que saiu de Interlagos com a liderança absoluta na AM, com 140 pontos.

PRIMEIRA PROVA – Antônio Junqueira venceu a primeira corrida da 3ª etapa da Dignity Gold GT Sprint Race. O piloto cruzou a linha de chegada na frente na geral e na PROAM, seguido por Luciano Zangirolami e Raphael Teixeira. Pela classe AM, Leo Yoshii comemorou a sua primeira vitória na competição.

Junqueira, que largou em terceiro, ficou toda a corrida brigando pela ponta, mas foi apenas na última volta, logo após a saída da curva do Sol, que o piloto assumiu a liderança absoluta da corrida.

As emoções de todas as etapas da Dignity Gold GT Sprint Race têm transmissões ao vivo, televisivas e por streaming, com geração de imagens da Master/CATVE. AS corridas são exibidas nos canais no YouTube da GT Sprint Race, dos Acelerados e da Motorsportbrasil e também pelo canal de assinatura BandSports.

Além disso, tem ampla cobertura dos bastidores pelas plataformas digitais da competição como Instagram, Facebook, site e no canal da Dignity Gold GT Sprint Race. E também serão exibidas para todo Brasil durante a semana, no Programa Acelerados na Band e no YouTube (youtube.com/acelerados), além do Programa Na Faixa no NSC - National Sports Channel.

O próximo compromisso da Dignity Gold GT Sprint Race será sua 4ª etapa, entre 3 e 5 de junho, em Goiânia.

A GT Sprint Race é patrocinada por Dignity Gold e Pirelli, com o apoio de Militec1, TecPads, Fremax, Real Radiadores e Graxa.

Resultado da Corrida 2 – 3ª etapa
1) #61 Antonio Junqueira, PROAM, 12 voltas, 25min46s777
2) #01 Marcelo Henriques/ Alex Seid, PRO, 0s398
3) #19 Sérgio Ramalho/ Luciano Zangirolami, PRO, 1s069
4) #12 César Ramos / Edgar Bueno Neto, PRO, 1s237
5) #09 Arthur Gama, PROAM, a 2s955
6) #13 Rafael Dias, PRO, a 3s856
7) #82 Gerson Campos, PRO,  a 4s035
8) #54 Diogo Moscato, PROAM, a 8s918
9) #18 Dudu Trindade, PROAM, a 11s771
10) #72 Giovani Girotto, AM, a 16s518
11) #17 Walter Lester, AM, a 18s661
12) #08 Alexandre Cauê, AM, a 26s112
13) #31 Roberto Possas, AM, a 42s645
14) #88 Lucas Mendes/ Marco Garcia, PROAM, a 59s944
15) #87 Rodrigo Sperafico/ Jorge Martelli, PRO, a 2 voltas
16) #77 Felipe Baptista/ Pedro Costa, PRO, a 6 voltas
17) #56 Brendon Zonta, PROAM, a 6 voltas
18) #79 Rafael Seibel, PROAM, a 8 voltas
19) #10 Adalberto Baptista, PROAM, a 10 voltas
20) #78 Leo Yoshii, AM, a 11 voltas
21) #21 Thiago Camilo/ Raphael Teixeira, PRO, sem tempo
22) #37 Ayrton Chorne, PRO, sem tempo

Resultado da Corrida 1 – 3ª etapa
1) #61 Antonio Junqueira, PROAM, 26min23s505
2) #19 Luciano Zangirolami/ Sérgio Ramalho, PRO, a 0s856
3) #21 Raphael Teixeira / Thiago Camilo, PRO, a 0s994
4) #01 Alex Seid/ Marcelo Henriques, PRO, a 3s389
5) #77 Pedro Costa/ Felipe Baptista, PRO, a 3s479
6) #13 Rafael Dias, PRO, a 4s028
7) #09 Arthur Gama, PROAM, a 6s077
8) #54 Diogo Moscato, PROAM, a 6s132
9) #18 Dudu Trindade, PROAM, a 11s381
10) #56 Brendon Zonta, PROAM, a 13s090
11) #10 Adalberto Baptista, PROAM, a 13s392
12) #78 Leo Yoshii, AM, a 14s532
13) #88 Marco Garcia / Lucas Mendes, PROAM, a 14s533
14) #72 Giovani Girotto, AM, a 19s572
15) #08 Alexandre Cauê, AM, a 23s907
16) #79 Rafael Seibel, PROAM, a 24s395
17) #31 Roberto Possas, AM, a 1min00s620
18) #87 Jorge Martelli/ Rodrigo Sperafico, PRO, a 7 voltas
19) #12 Edgar Bueno Neto/ Cesar Ramos, PRO, a 7 voltas
20) #82 Gerson Campos, a 8 voltas
21) #17 Walter Lester, AM, sem tempo
22) #37 Ayrton Chorne, PRO, sem tempo

Fonte: Sig Comunicação

  • Não há comentários cadastrados até o momento!