publicidade
06/06/2023 17:22

Gabriel Bortoleto amplia vantagem na liderança da Fórmula 3 para 24 pontos após etapa em Barcelona

Brasileiro foi o quarto colocado nas duas provas do final de semana

Autor: Quick Comunicação e Marketing


Foto: James Gasperotti

O Autódromo de Barcelona, na Espanha, recebeu no último fim de semana as atividades do Mundial de Fórmula 1 e, junto a elas, a quinta etapa da Fórmula 3. A categoria viu o brasileiro Gabriel Bortoleto mostrar novamente toda a sua habilidade e consistência ao ampliar a sua diferença de 17 para 24 pontos na liderança do campeonato.

Bortoleto chegou à Espanha contente com o fim de semana que havia feito em Mônaco, uma vez que, mesmo sem ter o carro mais veloz para aquele circuito, conseguiu acumular uma boa quantidade de pontos.

Diante de um grid que reúne os maiores talentos em ascensão do mundo, Gabriel e a equipe Trident mostram a cada fim de semana que estão trabalhando de forma muito focada para a conquista do título. Mesmo sem ter ido ao pódio em nenhuma das duas corridas do fim de semana, o piloto de São Paulo marcou 19 pontos na rodada e deixou a Espanha com 92 pontos na liderança, 24 a mais que o segundo colocado.

As atividades na pista da cidade de Montmeló, nos arredores de Barcelona, tiveram início na sexta-feira com os treinos livres. Com a marca de 1m29s358, Gabriel foi o 7º colocado na única sessão de testes e seguiu para a classificação em busca de melhora de performance. Apesar do pouco tempo entre as duas atividades, a equipe Trident alterou alguns ajustes no carro #5 e seguiu para a classificação. Gabriel conseguiu reduzir seu tempo em mais de um segundo e, com a marca de 1m28s005, garantiu a sexta melhor marca, o que lhe rendeu a sétima posição no grid de largada da corrida de sábado e a sexta para domingo.

Após uma largada conservadora na primeira prova, Bortoleto manteve-se na sétima colocação. Sempre no primeiro pelotão, o piloto procurou administrar a degradação dos pneus na primeira parte da corrida e, quando faltavam seis voltas para o fim, impôs um ritmo mais forte. A quatro voltas para o fim, numa manobra por fora nas curvas dois e três, ele superou de uma vez Paul Aron e Sebastian Montoya, pulando para a quarta colocação. Neste posto o piloto abriu certa vantagem, mas não o suficiente para buscar o terceiro lugar. Com o resultado, Gabriel somou mais sete pontos na classificação.

Na corrida de domingo, partindo da sexta colocação, Gabriel mais uma vez procurou trabalhar de forma inteligente e, sobretudo, com seu objetivo em foco. Depois de boa largada, ele esperou as oportunidades mais claras e avançou mais um pouco, conquistando duas posições e concluindo as 25 voltas da prova na quarta colocação. Pela valorização maior da Feature Race, o piloto brasileiro somou 12 pontos.

“Foi um fim de semana de muito trabalho. Não tivemos o mesmo rendimento que no Bahrein e na Austrália, mas nem por isso deixamos de buscar soluções e encontramos uma estratégia legal. Isso me permitiu trabalhar melhor a degradação dos pneus e somar o maior número de pontos possíveis. Somei mais 19 pontos na rodada e, mais do que isso, cheguei aqui com 17 pontos de vantagem para o vice-líder e estamos indo embora com uma diferença de 24 pontos. O meu objetivo é ser campeão e, para isso, muito mais do que ganhar corridas tenho que trabalhar na constância e aquisição do maior número de pontos possíveis. Estou muito animado e vamos para a Áustria, daqui a três semanas, em busca de ampliar ainda mais esta diferença”, analisou o brasileiro de 18 anos.

A sexta rodada da Fórmula 3 está marcada para os dias 3 e 4 de julho no Red Bull Ring em Spielberg, na Áustria.

  • Não há comentários cadastrados até o momento!