publicidade
05/06/2023 17:45

Night Challenge da NASCAR Brasil movimentou o Autódromo de Londrina no final de semana

Disputas foram intensas pelas vitórias na terceira etapa da temporada

Autor: Sig Comunicação


Foto: Luciano Santos

Léo Torres, da categoria PRO, foi o mais rápido da Corrida 1 #NightChallenge (Desafio Noturno) da NASCAR Brasil Sprint Race, terceira etapa da temporada 2023. No início da tarde deste sábado, no Autódromo Internacional Ayrton Senna, em Londrina, o piloto conseguiu o primeiro lugar no geral após uma disputa emocionante com Jorge Martelli, da PROAM, na parte decisiva da prova.

Torres completou as 15 voltas no traçado de 3.145 metros com o tempo de 26min59s430, com vantagem de 0seg403 para o adversário. O pódio geral foi completado por Diego Moscato, da PRO.

Em uma tarde de outono de céu claro e temperatura agradável, na casa dos 23 graus, a Corrida 1 abriu a programação de provas da etapa em grande estilo. Não faltaram emoção, muita disputa e um show de habilidade dos pilotos que participam da categoria. O pole-position Léo Torres começou bem, mantendo a liderança na largada e na primeira relargada após um Safety Car logo na segunda volta. Já Guilherme Backes e Jorge Martelli proporcionavam uma briga intensa pela segunda colocação.

Um novo Carro de Segurança, faltando cinco minutos para a bandeirada, acabou mudando completamente o cenário. Léo e Martelli, como se diz na modalidade, trocaram tinta na segunda relargada e andaram muito juntos até que Martelli, usando o Maxon Boost (botão que adiciona mais 40 cavalos durante 13 segundos) assumiu a ponta na penúltima volta. Mas a situação não estava definida, pois Léo não deixou por menos e acabou dando o troco em seguida. Usando o botão nos últimos metros, ele conseguiu recuperar a liderança e assegurar a vitória.

“O Maxon Boost foi essencial nessa vitória. O Martelli já tinha usado antes, mas eu guardei um pouco. Fiquei seguindo-o e perguntei para meu coach quanto faltava e, quando fui avisado da última volta, acionei o dispositivo na reta principal e o surpreendi. Mas o Martelli está de parabéns também pela corrida que fez. E eu estou feliz pelo resultado conquistado”, destacou o vencedor Léo Torres.

P2 no geral e melhor da PROAM, Martelli também comemorou o desempenho e a primeira conquista na categoria. “Até que enfim veio. Comecei o ano com um pouco de dificuldade, mas agora na terceira etapa a vitória chegou. O importante é pontuar e recuperar posições no campeonato. Vamos para o próximo desafio”, festejou o piloto de Chapecó (SC) que reside atualmente em Tapurã (MT).

Henry Couto, primeiro colocado na AM, destacou a dificuldade da prova. “Mais uma vitória. E esta foi suada e sofrida. Passei toda a corrida com a pressão do Léo Yoshii, que é piloto da casa, e do Edson Reis. No final usei o Boost contra eles e garanti o primeiro lugar”, concluiu o piloto paulista.

CORRIDA 2 –Depois da vitória de Léo Torres na Corrida 1, realizada no período da tarde deste sábado, na segunda disputa do dia o verdadeiro desafio noturno foi do seu companheiro Júlio Campos levar a melhor e garantir um fim de semana perfeito na dupla da categoria PRO. Ele completou as 18 voltas com o tempo de 27min16seg329, seguido por Vitor Genz, enquanto o terceiro posto foi de Léo Reis, da PROAM.

A #NightChallenge é, sem dúvida, uma das atrações mais charmosas do calendário do campeonato. A etapa, com a segunda prova noturna, sempre proporciona um espetáculo à parte e testa a habilidade de todos os pilotos que participam da temporada. Para tornar o desafio ainda mais atraente, a uso de Maxon Boost não é permitido, exigindo ainda “braço” para superar as várias curvas do circuito em Londrina e com uma visibilidade bastante limitada.

E são condições como essas, que encantam a todos, que puderam ser vistas no fim do dia e começo de noite. Numa briga de gente grande, Vitor Genz, que largou em primeiro, manteve a posição até a quinta volta, após não resistir à pressão de Júlio Campos. Depois disso, Campos foi para a ponta e, aproveitando o ótimo rendimento do carro, seguiu na frente até cruzar a linha de chegada e somar mais uma vitória na carreira, a quarta da dupla nesta temporada.

“Foi muito bacana. Nós precisávamos disso e tem de aproveitar quando carro está bem”, declarou o piloto sobre os resultados positivos do dia. Sobre a disputa noturna, ele ressaltou que teve de ousar para passar Genz. “Arriscamos por fora para dar o X e deu certo. Cada volta ficava mais escuro, mais duro e estava bem difícil. Depois ficou um pouco mais tranquilo. Acho corrida noturna bacana, com pouca visibilidade. Mas correr, em qualquer condição, é sempre divertido”, completou.

Vencedor da PROAM, Léo Reis estava entusiasmado. “Acho que foi uma das corridas mais legais. Descobri que não preciso mais de oftalmologista. Foi bem legal. Vim cauteloso, mas, mesmo assim, mantive um ritmo forte. Ficar atrás apenas do Júlio Campos e do Vitor Genz, duas feras do automobilismo, me deixa muito feliz”, disse.

Henry Couto, da divisão AM, teve muito que comemorar no sábado. Afinal, ele foi o único a vencer as duas provas e o duelo com o experiente Léo Yoshii, piloto de Londrina. Ele gostou de sua primeira experiência em provas noturnas. “Que desafio! Não sabia que era tão difícil correr de noite. Ainda mais aqui em Londrina, com tantas curvas. Suei da primeira até a última volta. Muita adrenalina, muito cansado, mas muito feliz”, afirmou.

A NASCAR Brasil terá a quarta de suas oito etapas programadas para a temporada de 29 de junho a 2 de julho, no Autódromo Internacional Zilmar Beux, na cidade de Cascavel, também no Paraná.

A NASCAR Brasil Sprint Race conta com apoio da Pirelli, Frum, Militec1 e fornecedores oficiais Militec1, Embreagex, Nano4you, Tecpads, Sparco, Real Radiadores, Zanoello e Graxa.

Confira o resultado da corrida 1:
1) #1 Léo Torres/ Júlio Campos, PRO, 15 voltas, 26min59s430
2) #87 Jorge Martelli, PROAM, a 0s403
3) #54 Diogo Moscato, PRO, a 0s635
4) #27 Rodrigo Sperafico / Lucas Mendes, PRO, a 1s605
5) #28 Guilherme Backes, PROAM, a 1s744
6) #32 Rafa Reis/ Léo Reis, PROAM, a 2s380
7) #88 Alex Seid/ Beto Monteiro, PRO, a 2s973
8) #46 Edgar Bueno Neto /Vitor Genz, PRO, a 3s313
9) #57 João Bortoluzzi /Felipe Tozzo, PROAM, a 5s445
10) #0 Henry Couto, AM, a 8s346
11) #80 Rafael Seibel, PROAM, a 9s558
12) #12 Edson Reis, AM, a 9s814
13) #72 Giovani Girotto /Lourenço Beirao, PROAM, a 13s997
14) #7 Rômulo Molinari/ Brendon Zonta, AM, a 15s379
15) #59 Cassiano Lopes / Dorivaldo Gondra Jr, AM, a 17s387
16) #31 Roberto Possas, AM, a 19s138
17) #78 Leo Yoshii, AM, a 19s347
18) #42 Fernando Nakamura, AM, a 19s736
19) #8 Fabio Gubert /Alexandre Kauê, AM, a 1 volta
20) #9 Arthur Gama, PRO, a 7 voltas
21) #98 MC Gui, AM, a 14 voltas
22) #4 Pedro Bürger / Cayan Chianca, PROAM, a 14 voltas
23) #11 Rafa Dias, PRO, 15 voltas
24) #2 Guga Lima / Marco Garcia, PRO, sem tempo
Melhor Volta: Jorge Martelli , 1min27s388, 129,931 km/h

Confira o resultado da corrida 2:
1) #1 Júlio Campos/ Léo Torres, PRO, 18 voltas, 27min16s329
2) #46 Vitor Genz / Edgar Bueno Neto, PRO, a 1s802
3) #32 Léo Reis /Rafa Reis, PROAM, a 2s244
4) #88 Beto Monteiro /Alex Seid, PRO, a 12s692
5) #87 Jorge Martelli, PROAM, a 17s556
6) #28 Gui Backes, PROAM, a 18s541
7) #27 Lucas Mendes /Rodrigo Sperafico, PRO, a 20s335
8) #54 Diogo Moscato, PRO, a 23s906
9) #4 Cayan Chianca /Pedro Bürger, PROAM, a 25s897
10) #0 Henry Couto, AM, a 38s352
11) #78 Léo Yoshii, AM, a 40s469
12) #7 Brendon Zonta /Rômulo Molinari, AM, a 40s640
13) #98 MC Gui, AM, a 59s569
14) #8 Alexandre Kauê /Fábio Gubert, AM, a 1m04s859
15) #12 Edson Reis, AM, a 1m18s612
16) #31 Roberto Possas, AM, a 1 volta
17) #42 Fernando Nakamura, AM, a 1 volta
18) #59 Dorivaldo Gondra Jr /Cassiano Lopes, AM, a 1 volta
19) #11 Rafa Dias, PRO, a 4 voltas
Não completaram 75% da prova
20) #80 Rafael Seibel, PROAM, a 7 voltas
21) #57 Felipe Tozzo /João Bortoluzzi, PROAM, a 8 voltas
22) #9 Arthur Gama, PRO, a 10 voltas
23) #72 Lourenco Beirao /Giovani Girotto, PROAM, a 15 voltas
24) #2 Marco Garcia/ Guga Lima, PRO, sem tempo
Melhor volta: Júlio Campos, 1min26s649, 131,039 km/h

  • Não há comentários cadastrados até o momento!