publicidade
18/06/2022 14:13

Troféu Ayrton Senna revelou os primeiros campeões de sua 2ª edição


Foto: Denise Drehmer

Pódio da Cadete


O primeiro campeão do 2º Troféu Ayrton Senna foi conhecido em uma final emocionante, que reuniu pilotos da Mirim e da Cadete. Os dois primeiros durante toda a prova foram Lourenço Varela e Leonardo Ramires, que chegaram a trocar de posição algumas vezes, sempre “comboiados” por Guilherme Moleiro.

A última volta teve um tom ainda maior de emoção, quando Ramires atacou Varella, do que Moleiro se aproveitou para tomar a liderança. No ataque, ele e Varela espalharam um pouco e, na entrada da reta, Ramires, que havia caído para terceiro, superou os dois e recebeu a bandeirada 144 milésimos de segundos a frente de Varella para comemorar o título.

Na Mirim, título para Lucas Ferreira – quarto na geral. O vice-campeão na categoria foi Bernardo Cavalcante, que terminou em 9º na classificação conjunta, a frente de Fábio Bianchi e Davi Gracia.

A F4 Júnior, teve várias alternativas, a ponto de seu campeão, Davi Alkmin, ter estado em último em alguns momentos da prova. Heitor Dall´Agnol liderou um tempo, mas acabou abandonando e, depois de alguns toques e incidentes, a disputa pelo título ficou entre Henry Lucas e Davi Alkmin. Depois de várias tentativas, Alkmin finalmente assumiu a ponta e, na ultrapassagem, Pietro Mello também superou Lucas. Nas últimas voltas Henry Lucas voltou à segunda posição, mas sem tempo para tentar um ataque a Alkmin, que venceu com pouco mais de 1 segundo de vantagem.

Sem tantas emoções como nas duas decisões anteriores, a F4 Super Sênior teve domínio absoluto de Gustavo Rey, que venceu com a larga vantagem de mais de 10 segundos. Alex Grigoletto, que figurou nas últimas posições no início da prova, obteve bela recuperação e foi o vice-campeão muito interessante com Oscar Alves, superado apenas nas últimas voltas.

A F4 Sênior teve um belo duelo entre quatro pilotos nas primeiras voltas – Luciano Garcia, Rodrigo Soares, Gilnei Soares e Thiago Miranda –, que trocaram de posição várias vezes. Nas últimas voltas, depois de muitas disputas, apenas “Digão” e Luciano Miranda estavam na disputa, mas sempre muito colados. Garcia conseguiu abrir uma pequena na última volta e venceu, garantindo o título do Troféu Ayrton Senna.

Fechando as categorias da manhã, a F4 Graduados igualmente teve uma final muito empolgante, com várias trocas de posição e a definição apenas nas últimas voltas. Por grande parte da prova o “trenzinho” era composto por Murilo Fiore, Samuel Cruz e Lucca Croce e, em alguns momentos, também por André Nicastro e Giulliano Forcolin.

Croce abandonou quando faltavam duas voltas e nestes últimos instante a disputa ficou entre Fiore e Cruz, que liderava. Fiore assumiu a ponta, mas Cruz deu o troco e fechou a prova na ponta e comemorando o título.

Confira os resultados extraoficiais:
MIRIM / CADETE
1) 081-LEONARDO RAMIRES (CADETE), 15:25,114
2) 006-GUILHERME MOLEIRO (CADETE), a 0,144
3) 064-LOURENÇO VARELA (CADETE), a 0,195
4) 033-LUCAS FERREIRA (MIRIM), a 9,364
5) 422-DANIEL REBOUÇAS (CADETE), a 9,863
6) 016-FELIPE SANCHES (CADETE), a 9,984
7) 005-DIEGO BORGES (CADETE), a 22,115
8) 045-RODRIGO GULLA (CADETE), a 26,211
9) 067-BERNARDO CAVALCANTE (MIRIM), a 26,267
10) 027-FABIO BIANCHI (MIRIM), a 40,408
11) 025-DAVI GRACIA (MIRIM), a 43,306
Melhor volta: LEONARDO RAMIRES (081), 58,684 (média 74,473 km/h), 13ª volta

F4 JÚNIOR
1) 032-DAVI ALKIMIN, 19:02,722
2) 077-HENRY LUCAS, a 1,174
3) 012-PIETRO MELLO, a 1,855
4) 089-RICK GOTTEMS, a 10,864
5) 027-HEITOR DALL´AGNOL, a 14 voltas
Melhor volta: HENRY LUCAS (077), 53,453 (média 81,761 km/h), 19ª volta

F4 SUPER SÊNIOR
1) 011-GUSTAVO REY, 18:44,376
2) 213-ALEX GRIGOLETTO, a 10,269
3) 109-OSCAR ALVES, a 10,464
4) 099-MAURO PADOVESI, a 14,208
5) 049-RODOLFO SIGNORETTI, a 15,475
6) 512-LUCIANO REBECCHI, a 16,305
7) 070-RODRIGO STEFANINI, a 20,588
8) 069-JERSON LEITZKE, a 21,686
9) 177-RODRIGO GIACOMINI, a 1 volta
10) 555-MIGUEL SUBTIL FILHO, a 4 voltas
Melhor volta: GUSTAVO REY (011), 54,776 (média 79,786 km/h), 16ª volta

F4 SÊNIOR
1) 127-LUCIANO GARCIA , 19:19,397
2) 111-RODRIGO SOARES , a 0,567
3) 481-GILNEI SOARES , a 2,272
4) 081-MARCOS LELIS , a 3,073
5) 215-THIAGO MIRANDA , a 3,368
6) 212-DAERCIO MAGAINE , a 1 volta
7) 001-JULIANO REBBECCHI , a 1 volta
8) 071-LUIZ F. ALMEIDA , a 1 volta
9) 444-EDILSON CARDOSO , a 1 volta
10) 226-IGOR RIBEIRO , a 1 volta
11) 313-RENATO GIAMPIETRO , a 1 volta
12) 053-EDVAN SOTO , a 1 volta
13) 084-AGOSTINHO NETO , a 1 volta
14) 017-RODRIGO MONTEIRO , a 9 voltas
Melhor volta: MARCOS LELIS (081), 54,473 (média 80,230 km/h), 12ª volta

F4 GRADUADOS
1) 017-SAMUEL CRUZ, 20:58,623
2) 025-MURILO FIORE, a 0,400
3) 028-ANDRÉ NICASTRO, a 0,837
4) 071-GIULLIANO FORCOLIN, a 0,968
5) 061-RAFAEL CROCE, a 7,670
6) 991-FABIO LIMA, a 8,115
7) 757-MIGUEL A. SUBTIL, a 9,086
8) 099-WILKER ICERI, a 23,706
9) 014-JOSÉ H. VILLAÇA, a 23,933
10) 007-FELIPE MAESTER, a 24,836
11) 091-LUCCA CROCE, a 2 voltas
Melhor volta: SAMUEL CRUZ (017), 53,853 (média 81,154 km/h), 18ª volta

Fonte: Portal Kart Motor | Erno Drehmer - Cronometragem: Mega

  • Não há comentários cadastrados até o momento!